Blog da JusCash

Insights, dicas e ferramentas para gestão financeira de advogados e escritórios de advocacia.


6 de junho de 2024
Institucional

Conheça o programa de parceiros da JusCash e descubra como obter uma renda extra

Escrito por: Equipe JusCash

advogados dando um aperto de mão após fecharem contrato com a JusCash para antecipar honorários

Escrito por: Equipe JusCash

Compartilhe nas redes:

Descubra como ser um parceiro da JusCash e seja bem remunerado por isso! Saiba como participar neste texto!

Nem sempre as coisas saem como o planejado, e o advogado precisa fazer uma renda extra para cobrir suas despesas. A boa notícia é que existem diversas oportunidades de atuação, e uma das mais vantajosas é o programa de parceiros da JusCash!

Um programa de parcerias para advogados é uma maneira de aumentar sua rede de contatos e ainda garantir um lucro a mais. Essa é uma ferramenta para potencializar seus ganhos com benefícios muito atrativos.

Imagine que chegou no fim do mês e seu capital de giro não foi suficiente para cobrir as contas. Ou ainda, que você pretende investir no crescimento do seu escritório, mas não tem de onde obter a renda para isso.

Contar com a possibilidade de ser parceiro de uma empresa séria, consolidada e criada por e para advogados pode ser a solução! Por isso, neste texto, você vai descobrir o que é o programa de parceria para advogados da JusCash e como fazer parte dele. Continue essa leitura e confira!

O que é um programa de parceria para advogados?

Um programa de parceria para advogados é um acordo formal estabelecido entre dois profissionais ou entre um profissional e uma empresa. O principal objetivo é colaborar para alcançar benefícios mútuos.

Além disso, esse tipo de programa beneficia a criação de uma sinergia entre as partes para desfrutar dos recursos e competências de cada um. O resultado? Alcançar os objetivos compartilhados com mais eficiência e rapidez.

Um programa de parceria para advogados costuma envolver os seguintes benefícios:

  1. Acesso a novos recursos

O principal objetivo de uma parceria estratégica é promover o crescimento mútuo. Para alcançar essa meta, é essencial que haja uma troca de recursos – sejam eles físicos, financeiros, intelectuais ou rede de contatos, por exemplo.

Isso porque cada parte possui suas próprias ferramentas, perspectivas, habilidades e área de atuação. Quando esses recursos são compartilhados, há benefícios para ambas as partes e as chances de sucesso são potencializadas.

  1. Mais credibilidade

Quando um advogado se torna parceiro de uma empresa que possui certa influência no mercado, sua marca pessoal é beneficiada no longo prazo. Isso porque você carregará consigo o nome e, consequentemente, a credibilidade da empresa.

Essa é uma poderosa ferramenta para construir sua autoridade, principalmente em um mercado tão competitivo quanto o do Direito. Por isso, investir em colaborações com empresas sérias pode ser muito vantajoso para sua carreira!

  1. Ampliação do seu networking

A parceria com uma empresa que presta serviços para advogados é uma ótima oportunidade de ampliar sua rede de contatos. Isso pode abrir portas para impulsionar ainda mais sua carreira, trazendo novas oportunidades.

  1. Desenvolvimento de habilidades

Já imaginou como seria desenvolver suas habilidades de vendas, persuasão e estabelecimento de novos relacionamentos, sem a obrigação de trazer resultados para o seu negócio, e com a possibilidade de ser remunerado por isso?

Por meio de uma parceria de negócios, é possível desenvolver seus pontos fracos e destacar seus pontos fortes. Na prática, isso te ajudará a conquistar uma relevância de longo prazo no mercado, e atingir seus objetivos.

  1. Segurança financeira

Parcerias de negócios são uma ótima maneira de diversificar suas fontes de renda. Com isso, você terá mais tranquilidade para lidar com períodos de baixa demanda ou quando precisar de um dinheiro extra para investir em seu escritório, por exemplo.

Confira dicas de renda extra para advogados!

Conheça o programa de parceria da JusCash

A JusCash desenvolveu um programa de parceria exclusivo para desenvolver uma colaboração com operadores do Direito. Essa é uma oportunidade de aumentar suas fontes de renda e alcançar a estabilidade financeira!

Funciona assim:

  • O advogado indica a antecipação de honorários da JusCash para outros advogados;
  • Quando o advogado indicado se torna um cliente, o parceiro ganha uma comissão.

Simples, fácil e rápido! Essa é uma maneira de garantir uma renda extra, e ainda contribuir para o desenvolvimento da comunidade jurídica. O objetivo da JusCash com o programa é empoderar advogados para ajudá-los a aumentar sua renda de maneira simples e independente!

Descubra como funciona

Para participar do programa, basta seguir alguns passos simples:

  1. Cadastro: O advogado se inscreve no programa de parceiros da JusCash. Para isso, basta preencher o formulário de inscrição;
  2. Indicação: O advogado envia os dados de contato de suas indicações para a equipe da JusCash;
  3. Validação: Quando o indicado contratar os serviços da JusCash, quem fez a indicação ganha uma porcentagem em comissão.

Além disso, a JusCash disponibiliza um treinamento e materiais promocionais para facilitar suas indicações e otimizar seus ganhos.

Conheça e cadastre-se no programa de parceiros da JusCash!

Requisitos da antecipação de honorários

Para fazer a indicação da antecipação de honorários a outros advogados, é necessário entender os critérios adotados pela JusCash. O principal critério é: o processo tem que estar em fase de cumprimento de sentença. Nesse caso, a cessão de créditos pode ser realizada antes da expedição do alvará ou RPV. Conheça outros critérios:

Tipos de créditos que podem ser antecipados

  • Honorários contratuais, sucumbenciais e dativos;
  • Ações nas esferas cível, trabalhista e previdenciária;
  • Parte devedora: entes públicos e empresas privadas com liquidez;
  • Pagamentos expedidos em RPVs e alvarás.

Antecipações não realizadas

  • Processos sem trânsito em julgado;
  • Precatórios;
  • Parte devedora: entes públicos municipais, Pessoa Física, empresas em recuperação judicial e massa falida;
  • Pagamento dependente de penhora.

Outros critérios de antecipação

  • Processos com valor a partir de R$ 1 mil;
  • Ações em fase de cumprimento de sentença em definitivo;
  • Ações contra empresas privadas ou entes públicos.

A JusCash também realiza a antecipação do valor da condenação para os clientes, seguindo os mesmos critérios. Essa é uma facilidade que pode ser oferecida tanto aos seus colegas advogados quanto aos seus próprios clientes.

Saiba mais sobre a antecipação do valor da condenação!

Conclusão

Programas de parceria para advogados são excelentes ferramentas para quem busca renda extra, ampliação de rede de contatos, troca de conhecimentos e muitos outros benefícios. Essa é uma excelente forma de desenvolver novas habilidades e alcançar a segurança financeira em um mercado tão volátil como a advocacia.

Por meio do programa de parceiros da JusCash, advogados de todo o Brasil podem garantir uma renda a mais ao indicar a antecipação de honorários para seus colegas de profissão. Além disso, podem ampliar sua rede de contatos e abrir as portas para novas e excelentes oportunidades.

Cadastre-se no programa e comece a faturar hoje mesmo!

Continue acompanhando o blog da JusCash para conferir mais dicas de finanças para advogados!

Confira as postagens mais acessadas

Planilha controle financeiro

Baixe grátis a nossa planilha de controle financeiro para advogados

Administrar as finanças de um escritório de advocacia pode ser uma tarefa muito complicada. Isso porque envolve divers
Continue lendo Continue lendo
advogado autônomo: saiba como declarar seu imposto de renda 2024!

Advogado autônomo: Como se preparar para o imposto de renda? [Guia 2024]

Você sabe quais impostos um advogado deve pagar e como deve declarar seus honorários no imposto de renda? Descubra nes
Continue lendo Continue lendo

Como declarar honorários advocatícios no Imposto de Renda?

Está em dúvida sobre como declarar honorários advocatícios no Imposto de Renda? Então, confira esse conteúdo e des
Continue lendo Continue lendo